Solte pipa é libertador

21 jun 2011


Neste domingo fui soltar pipa com o meu noivo, acredite foi uma atividade cansativa, mas muito divertida. O Carlos, meu noivo, trouxe a pipa a rabiola a gente fez de saco plástico. Você pega o saco dobra no meio e vai dobrando até fazer uma fina fileira aí é só cortar. Prenda com nós a rabiola no fio. Depois dá pipa pronta fomos para parte de trás do Terraço Shopping onde é descampado e tem um espaço interessante para correr. Ai é só esperar o vento olhar para que direção a rabiola esteja voando e nesta direção segurar a pipa um pouco acima da sua cabeça. Esperar ela planar no vento então comece a correr de costas para a pipa subir, quando ela subir puxe o fio levemente. Essa ação de puxar o fio que as pessoas que soltam pipa chamam de bibicar. Quando estiver no céu e na corrente de vento é só manter a pipa no vento, o engraçado é que você sente a pipa no vento. Quando não tem vento o fio fica parado e a pipa vai caindo. Aí é só pegar a pipa e começar tudo de novo. Vou te contar é uma beleza de academia, pense numa suadeira, risos. Não se esqueça do protetor solar, óculos escuros, boné e tênis.

Então, amor obrigado pela pipa foi bom enquanto durou, a sacana da minha gata está no cio e urinou nela e não satisfeita afiou a unha na seda. Oh que alegria! Agora o jeito é comprar outra pipa =-( Chantilly gata do mal!

No comments yet

Deixe um comentário