TAG: moda contemporânea

Arezzo Mob Party!

14 mar 2013


Ah o amor, ah a Arezzo risos. Então, quinta-feira (07/03) aconteceu simultaneamente em todas as lojas da Arezzo o lançamento da nova coleção de inverno só que com a cobertura nas redes sociais brasileiras. A ação contou com a hashtag (#arezzomobparty!). Bom, eu recebi o convite por e-mail da assessoria e compareci no evento, só que pasmem no dia perdi o carregador da minha máquina e por isso dessa vez os cliques foram poucos feitos com a câmera do celular, mesmo.
Levei para casa esse amorzinho aqui:



Admirem a coleção inteira 

? Martha Medeiros

24 jan 2013




O Quinta Stylist de hoje é especial, pois eu tenho uma peça dessa talentosa estilista. Comprei num saldão de fim de ano o meu vestido rosa com rendas na Riachuello e amo de paixão. A paixão pela arte e pelo artesanal, Martha Medeiros herdou da avó. Para cada peça são horas de trabalho manual, fio a fio, unidos a técnica de modelagem e estilos adquiridos com sua formação em moda. Aproximadamente 250 mulheres organizadas em cooperativas de rendeiras, em pequenas cidades, às margens do Rio são Francisco, em Alagoas, estão envolvidas no processo de confecção de rendas como a Renascença, a mais tradicional de todas, além de outras técnicas como: filé, richilieu, bilro e a delicadíssima renda Boa Noite, hoje confeccionada apenas na Ilha do Ferro, no meio do São Francisco, a 320 km de Maceió. A estilista é alagoana e avalia de perto a matéria prima que é usada em suas roupas. Martha vai uma vez por mês para Piranhas 280 km de Maceió para buscar as rendas artesanais. As rendas são enviadas então para o ateliê da estilista, em São Paulo. Na pequena fábrica, sete modelistas e costureiras produzem apenas vinte peças por mês, a maioria sob medida. A exclusividade tem preço: um vestido custa a partir de 4.500 reais e pode facilmente chegar à casa dos cinco dígitos. Antes de se dedicar à moda, Martha cursou direito e trabalhou como bancária. Há vinte anos, pediu transferência para São Paulo e formou-se em moda com a primeira turma do Senac. Abriu uma butique em Maceió três anos atrás. A fama da rendeira chique espalhou-se rapidamente Brasil (e mundo) afora. Hoje, sua coleção também pode ser encontrada em outra loja própria, na Rua Melo Alves, e em oito pontos de venda nacionais e três internacionais, incluindo a inglesa Harrods. Vestidos de renda renascença, de filé e bilro com a assinatura dela já foram desfilados por famosas. 

Fontes:  e 

Bolsas Shourouk

20 dez 2012


As bolsas Shourouk são criações da designer Tunisia Shourouk Rhaiem que vive e trabalha em Paris. A estilista era conhecida da grande mídia por seus design de acessórios, com destaque para os colares. Toda a sua experiência com as jóias é transferida para a criação das bolsas Shourouk. As bolsas são adornadas com jóias. São peças híbridas com uma mistura de materiais simples (como PVC) e materiais mais luxuosos (como os cristaisswarovski e outras pedras cravadas). Fashionistas e estilistas já elogiam as suas bolsas. Essa proposta híbrida já é uma tendência. Embora, muitos não a considerem (ainda) uma it bag. 
E vocês curtiram esse modelo de bolsa?

Usaria uma Shourouk?
Imagens: Lolita Abraham, Shourouk

Fonte:  

As famosas bolsas Shourok

Zona Criativa, linha de camisetas à venda nas bancas

30 out 2012


Amores essa dica é master eu ganhei do meu noivo uma camiseta que é vendida numa banca de jornal. Oi? Juro foi comprada na banca de jornais “Revistaria” no Terraço Shopping tudo por R$ 40,00. A empresa que produz as camisetas é a Zona Criativa. Eu fiquei apaixonada a embalagem é no formato de capa de disco de vinil. A camiseta é 100% algodão e vem numa embalagem de plástico. Na parte de trás tem as opções de camisetas e o tamanho (P, M, G e GG) e  que está no pacote. 
*Achei uma boa alternativa de presente para os meninos e para as meninas.
Bom vejam o vídeo que vocês verão mais detalhes do produto.




E aí curtiram a dica?